Perigo na Terra do Nunca

foto livro

Pessoal, este é o meu primeiro livro. Escrevi nas minhas sessões com a minha psicopedagoga.
Vou dividir ele em 6 partes e compartilhar aqui com vocês, todas as terças feiras.
Espero que vocês gostem.
Um abraço,
Léo, o devorador de livros

AGRADECIMENTOS

Eu gostaria de agradecer a minha ajudante de escrita, Eliz Regina Kruger.
Agradeço especialmente minha família por me apresentar o mundo dos livros que me deram a imaginação que uso agora para escrever as minhas próprias histórias.

PARTE 1

Tudo começou quando o menino Jake ganhou um presente da sua avó. Ele morava em Marte junto com seus pais, mas seus avós moravam na Terra.
A família de Jake se mudou para uma colônia em Marte porque na Terra a vida estava cada vez mais difícil. Os humanos não souberam cuidar do seu planeta.
Os problemas era muitos, as cidades estavam caóticas, faltava comida e água, o ar era difícil de respirar, faltava emprego e as pessoas procuravam um lugar melhor para viver.
Sua avó estava com muita saudade e resolveu comprar um presente e enviar para o seu neto. Ela comprou um canivete e um livro porque ele gostava muito de ler, mas em Marte não havia muitos livros.
Jake estava em seu quarto assistindo sua série favorita na TV: os detetives de Marte, quando sua mãe disse que o carteiro entregou um pacote enviado por sua avó. Ele desceu correndo cheio de ansiedade. O que será que a vovó me mandou?
Chegando na sala Jake pegou o pacote e sentou no sofá para abrir. Desembrulhou e viu que era um livro e um pequeno pacotinho. Primeiro abriu este pequeno embrulho e ficou surpreso pela avó adivinhar o seu desejo de ter um canivete igual aqueles usados nos filmes de sobrevivência na selva.
Na capa do livro tinha um menino todo de verde, uma pequena fada e ao fundo um navio.  O nome era Peter Pan. Que história era aquela? Será que naquele navio havia piratas? E aquela fadinha, será que ela tinha poderes?
Ansioso para conhecer a história que a avó escolheu, subiu para o seu quarto e começou imediatamente a ler. Jake se sentiu dentro da história, era como se ele estivesse na Terra do Nunca com os personagens, ele era o Peter Pan enquanto lia seu livro.
Um mês depois Jake terminou o livro. Ele ficou com vontade de ir para a Terra do Nunca e jamais crescer. Mas havia um problema: como ele iria até lá? Jake então decidiu começar uma aventura para chegar naquela ilha mágica.
A primeira coisa que ele iria precisar era descobrir um jeito de voar. Então ele pensou se havia um pozinho mágico. Se houvesse deveria ser no mundo das fadas.
Jake estava pensando em uma forma de chegar aonde as fadas vivem. Ele folheou o livro atrás de uma palavra mágica, mas não encontrava nenhuma. Estava quase desistindo quando um portal apareceu bem na sua frente. Era um portão bem grande, de ferro, todo amarelo como um enorme portão de palácio.
– O que você deseja? – Perguntou o portão.
Jake ficou muito surpreso ao ouvir aquela voz grave. Mas respondeu:
– Desejo ir para o mundo das fadas.
– É aqui mesmo! Você só precisa dizer a palavra mágica.
Jake então perguntou qual seria a tal senha e o portão respondeu:
– Você terá que descobrir.
Jake ficou pensativo. Não tinha a menor ideia de qual palavra seria.
– Vou lhe dar uma dica: você conhece Ali Babá e os quarenta ladrões?
– Abre-te Sésamo! – Gritou Jake num sobressalto.
Como num passe de mágica o portal amarelo se abriu e Jake não acreditava no que estava vendo a sua frente.
Havia um campo verde com muitas flores coloridas e árvores de todos os tamanhos. Atrás das árvores podia-se avistar uma pequena casa branca com uma chaminé no telhado. Na frente havia uma escada de madeira que levava até a sua porta marrom. Nessa porta tinha o desenho de duas pequena asinhas coloridas, deveriam ser asas de fadas.
Jake resolveu bater na porta para saber se tinha alguém que pudesse lhe ajudar. Quando estava subindo a escada ele avistou um esquilo que cruzou o seu caminho e se escondeu no campo. Jake bateu na porta de madeira muito curioso para saber se havia algum morador… Assim que bateu, uma criatura muito linda abriu a porta. Ela era muito pequenina, tinha um vestido verde, seu cabelo era dourado como ouro, tinha duas asas que não parava de bater e era muito sorridente. Jake logo percebeu que era uma fada.
– Quem é você? O que fazes aqui? – perguntou a fada.
– Meu nome é Jake, eu vim de Marte. Estou procurando pó mágico para voar até a Terra do Nunca. – respondeu.
– Quem disse que eu vou te dar pozinho mágico? As crianças de Marte estão muito interesseiras, elas só querem saber de video game, IPad, IPhone e nem acreditam mais em fadas. Você terá que procurar sozinho. – respondeu ela saindo de fininho.
Jake ficou muito indignado, porque a fada respondeu dessa forma sem nem saber se ele era igual as outras crianças de Marte. Então, seguindo o seu rumo ele foi procurar outra solução.

CONTINUA NA PRÓXIMA TERÇA FEIRA!

5 comentários em “Perigo na Terra do Nunca

  1. Leo , estou muito feliz de poder ler seu primeiro livro e já estou esperando os próximos capítulos . Muito interessante a idéia da estoria e a sua maneira de contar nos deixa curiosos para saber como o JAKE vai conseguir chegar à TERRA DO NUNCA .Parabéns e com certeza vai guardar esse livro com muito carinho durante toda a sua longa vida , A ELIZ foi ótima como assessora , parabéns à ela também ! Beijo !

    Curtir

  2. que orgulho Leo, seu primeiro livro. Não tem ideia do significado disso. Você é um leão, definitivamente. E parabéns pelos agradecimentos. Especialmente à Eliz, que te ajudou tanto. Porque à sua família, nem precisa. Nós é que temos que agradecer todo dia por seu amor, interesse, por nós todos e pelos livros e histórias. Beijo imenso

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s